noticias Seja bem vindo ao nosso site Rádio Boas Novas Aracaju!

Artigos

NA CASA DE JESSÉ

Artigo do pastor Jabes Nogueira Filho

Publicada em 22/12/20 às 10:31h - 397 visualizações

por Pastor Jabes Nogueira Filho


Compartilhe
Compartilhar a notícia NA CASA DE JESSÉ  Compartilhar a notícia NA CASA DE JESSÉ  Compartilhar a notícia NA CASA DE JESSÉ

Link da Notícia:

NA CASA DE JESSÉ
Paolo Veronese - The Anointment of David - (MeisterDrucke-20582)  (Foto: Arquivo do autor)

O coração de Samuel ainda estava triste por causa da rejeição de Saul.  Deus então veio ao encontro do profeta e o lembrou que todo o processo de escolha e rejeição era obra da soberania divina e que ao seu servo só cumpriria executar o que lhe fosse ordenado.

O tempo de Saul já havia passado, agora era hora de ir a busca de um novo rei para ungi-lo: mas, onde encontrá-lo?  Como achar o homem certo que se enquadrasse no perfil exigido por Deus?

Encha seu chifre com óleo e vá a Belém;
eu o enviarei a Jessé.
Escolhi um dos seus filhos para fazê-lo rei.
(1Sm 16:1)

Mesmo com algum receio, Samuel seguiu as instruções e foi à casa de Jessé.  Depois de participar de uma cerimônia de sacrifícios com Jessé e seus filhos, e os consagrar ao Senhor, o profeta começou seu trabalho de busca daquele que deveria ser ungido especificamente à realeza.

O primeiro a ser examinado foi Eliabe, o primogênito. 

— Se era para ser alguém daquela casa que fosse este! – Deve ter pensado Samuel!

A resposta foi imediata:

Não considere sua aparência nem sua altura, pois eu o rejeitei.
[O Eterno] não enxerga como o ser humano, esse [] vê a aparência,
mas o Eterno percebe o coração.
(1Sm 16:7)

Assim se seguiram Abinadabe, o segundo; Samá, o terceiro; e mais outros num total de sete dos filhos de Jessé e a resposta foi sempre a mesma:  Também não foi este que o SENHOR escolheu (1Sm 16:9).

Neste ponto da história, alguma coisa parecia estar errada: a mensagem era clara sobre a casa de Jessé!  Só podia está faltando alguém!

Foi quando lembraram do caçula Davi que estava no campo e não tinha participado em nada no desenrolar dos acontecimentos: nem dos sacrifícios, nem da consagração, nem do processo de escolha.

Trouxeram Davi à presença de Samuel e este foi descrito como um garoto ruivo e de feições delicadas.  Aparentemente nada que fizesse lembrar o porte e a dignidade de um rei.  Contudo a ótica divina vê diferente:

— É este!  Levante-se e unja-o (1Sm 16:12).

Quando Davi foi ungido na presença de seus irmãos, o texto diz que o Espírito do Senhor se apoderou de Davi.  Era a confirmação de que ele era o escolhido.

Então Samuel pôde voltar para Ramá onde morava; estava cumprida a sua missão.

 

(Na imagem, reprodução da pintura em óleo sobre tela intitulada A Unção de Davi – obra do 1555 do italiano Paolo Veronese.  O original atualmente está no Kunsthistorisches Museum, Vienna, Austria)




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (79)9 91615033

Visitas: 1153568
Usuários Online: 85
Copyright (c) 2023 - Rádio Boas Novas Aracaju - Rua Simão Dias,209 - S/01 Centro - Aracaju/Sergipe/Brasil. - Fone:(79) 9 9979-7974 / 9 9974-1811 - Whatsapp (79) 9 9161-5033